em branco

'' MONTINHO ARTILHEIRO, PESADELO DOS GOLEIROS''


a bola rebola
prá lá e prá cá
o atacante avante
doido pra entrar
na grande área
zagueiro atento
com medo de errar

''chuuutaaaaa!!!!''

goleiro rezando
pra bola não entrar
montinho artilheiro no caminho...

''tááá láááá!!!!''

goleiro prá cá
rebola bola
prá lá
e amanhã o frangueiro
vai dar o que falar

caranguejúniormagalrubronegronegro

3 comentários:

André Dia(s,z)? disse...

Ah! Não tem jeito, se o frango é inevitável...O negócio é relaxar e mandar vir a farofa!

Paulo D'Auria disse...

Como corintiano, devo dizer: fiquei feliz por ser o Ceni frangueiro a ilustrar o poema!!!!

rsrsrsrs!!!

Anônimo disse...

O Ceni realmente é um frangueiro: é fato!!

Mas gosto dele pelas faltas que cobra (aliás, ele só perde para o morrinho artilheiro em número de gols).

abraços
Renato