em branco

Hino da Portuguesa (Roberto Leal/ Márcia Lúcia) *

















Vamos à luta, ó campeões,
Hão de vibrar os nossos corações.
Da tua glória, toda a certeza.
Que tu és grande, Ó Portuguesa.
Vamos à luta, ó campeões,
Há de brilhar a cruz de teus brasões,
E tua bandeira verde encarnada,
Que é a luz de tua jornada.
Vitória é a certeza
Da tua força e tradição
Em campo, ó Portuguesa,
Pra nós és sempre o time campeão.


* Trata-se do hino atual.Há também a primeira versão.

3 comentários:

André Dia(s,z)? disse...

Mesmo que não seja o nosso time, qualquer que for o hino...Temos que reconhecer sua beleza, não é? E não aquilo que as torcidas inventam...Palavrões, incitação à violência, e sim a exaltação as cores de seu time, a sua bravura(por mais que um time possa ir mal)isso é inexplicável.
Isso é amor!

Anônimo disse...

Claro, todos os hinos são belos - pena eu não conseguir colocar o áudio de tão belo cântico; concebidos por poetas geniais...

Agora, vou discordar de você: a violência em si, acho babaca; mas nas palavras, acho maravilhosa... com palavrões e tudo !!

Pretendo postar certas provocações poéticas... futebol é isso também.



abraços
Renato

rogerio santos disse...

Taí a torcida mais fanática de São Paulo.
O time não ganha nada, luta contra os gigantes, mas nossa dedicação é absoluta.
Vai Lusa !!! Contra Tudo e Contra Todos !!!