em branco

Visões de Pasárgada

Visões de Pasárgada por 3 Poetas do Tietê :

Todo poeta tem sua Pasárgada
por Paulo D'Auria

Todo poeta tem sua Pasárgada,
algumas têm amigos de verdade
outras têm sol a vontade
mas todas
tem prostitutas bonitas.

A prostituta, essa namorada natural dos poetas
a prostituta, que qualquer um pode ter
mas amar, amá-la, só os poetas sabem:
Amá-la inconsequente, amá-la na bebedeira
amá-la completamente, amá-la num poema;
o poeta, esse marido mítico das prostitutas.

Todo poeta tem sua Pasárgada,
algumas têm praias
outras têm rios
e todos nadam a largas braçadas,
tornam-se atletas, se esquecem de ser poetas!

Glórias, honrarias literárias podem esperar,
que sejam póstumas!
Pra já, - em Pasárgada, São Paulo
Sarajevo, Oslo – o poeta só almeja
o gozo.


Outra Pasárgada
por André Dia(s/z)?

Vim embora
De Pasárgada,
Lá nada encontrei
Que me interessava,
Paraíso de outro
Poeta,
Eu quero meu
Próprio paraíso,
Nada de exercícios
Pois sou preguiçoso
Quero dormir até
Meio dia,
Acordar com alguém
Diferente todo dia,
Lá não existem roupas
A criada se inclina
Com seus peitos grandes
Com meu desjejum,
Diante de minha cama
Há uma fila que não
Termina,
Todos vêm me acariciar
Com as mãos depois com a boca,
Eu sou o mais lindo
O mais desejado
E meu paraíso é ver
A volúpia de cada um
Diante de rei tão adorado!


Terra de Maria
por Marcelo Tadeu

Quando me encontrar no vazio
Quando me encontrar perdido
É pra lá que eu vou
Na Terra de Maria
Tudo faz sentido

Quando não souber quem sou
Quando me sentir ninguém
É pra lá que eu vou
Na Terra de Maria
Eu sou Rei

Sou Egoísta
E o caminho
Não Revelarei
Já que Maria
É só minha.

3 comentários:

paranax disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
paranax disse...

Olá! Sou de Paraisópolis, sul de Minas Gerais, a "Outra Pasárgada" (!?) mas Platão expulsou os poetas da Polis; restou-me o Paraíso! Que maravilha!

Abx Poetas do Tietê

Caranguejúnior disse...

iuhhuu! dalhe tietada!

abraço!